Convidados abordaram como a rede vinda da criptomoeda irá impactar no mundo dos negócios

Blockchain e suas aplicações foram temas de painel da 30ª Mercopar 1

Foto: Dudu Leal.

No último dia da 30ª Mercopar – Feira de Inovação Industrial, o blockchain ganhou destaque e foi debatido por especialistas no painel Modelos de negócio em rede blockchain. Os convidados para o momento foram os co-fundadores do iColab, Sandra Heck, Fábio Miguel Junges e Marcelo De Nardi – que mediou o evento -, o Founder da Interchains, Bernardo de Souza Madeira, e o engenheiro de Projetos de Inovação, Tiago Maciel da Silva. O diretor-superintendente do Sebrae RS, André Vanoni de Godoy, reforçou na abertura os desafios que a rede blockchain possui para funcionar plenamente no Brasil e o impacto que isso tem para o mercado competitivo. “Rede blockchain é uma tecnologia disruptiva que, aliada ao 6G, vai mudar o cenário econômico no curto prazo. Precisamos estar atentos para isso para não perdermos muita competitividade”, disse.

Para a co-fundadora e presidente do iColab – Instituto Colaborativo de Blockchain, Sandra Heck, uma nova economia está nascendo. “O blockchain vem para transformar a relação de confiança não só dos negócios, mas também da sociedade”, afirmou. A executiva de negócios destaca que atualmente a confiança é um problema social. “A rede blockchain vem para entregar e habilitar essa confiança de forma digital”, explica. E completa: “a indústria 4.0 se caracteriza pelas tecnologias físicas e digitais. Na verdade, a blockchain é a junção desses dois mundos através da internet.” Já para o fundador da Interchains, empresa de consultoria técnica de processos na implementação desta tecnologia, Bernardo de Souza Madeira, a possibilidade de poder integrar e inserir diferentes processos e participantes traz a oportunidade de escalada para o negócio. “Falamos de competição. Precisamos colaborar para competir nesse mercado cada vez mais global. O blockchain vai fazer para o mundo das transações o que a internet fez para o mundo das informações”, disse.

O painel contou ainda com a participação do engenheiro de Projetos de Inovação, Tiago Maciel da Silva, que possui mais de 20 anos de experiência em indústria automotiva, executando projetos de inovação em processos e indústria 4.0, Blockchain, IoT, Inteligência Artificial, Eletrônica Embarcada e energias renováveis, e o CEO na SOU.cloud, Co-Founder do iCoLab e da OnePercent, Fábio Miguel Junges, que apresentaram cases no qual a blockchain já é uma realidade.

 

 

Notícias

Mercopar 2021 supera expectativa e bate recorde com R$ 224 milhões em negócios gerados 4

Mercopar 2021 supera expectativa e bate recorde com R$ 224 milhões em negócios gerados

Promovida pelo Sebrae RS e pela FIERGS, a 30ª edição da Mercopar - Feira de Inovaç...

LEIA MAIS
Blockchain e suas aplicações foram temas de painel da 30ª Mercopar

Blockchain e suas aplicações foram temas de painel da 30ª Mercopar

Convidados abordaram como a rede vinda da criptomoeda irá impactar no mundo dos negóc...

LEIA MAIS
Tecnologias e futuro energético brasileiro são discutidos no último dia da 30ª Mercopar, em Caxias do Sul

Tecnologias e futuro energético brasileiro são discutidos no último dia da 30ª Mercopar, em Caxias do Sul

Fórum de Energia Distribuída debate a importância e a necessidade de buscar fontes a...

LEIA MAIS
Avanços da liberdade econômica foi tema de painel na Mercopar

Avanços da liberdade econômica foi tema de painel na Mercopar

Momento reuniu representantes de poder público municipal e federal no IV Seminário Br...

LEIA MAIS
Ver todas as notícias
Realização

Realização
Patrocínio Master
Patrocínio
Apoio
Cia Aérea Oficial
Apoio Institucional