J

A Mercopar, que se encerra nesta sexta-feira (07) em Caxias do Sul, é um ambiente gerador de negócios e também de muito conhecimento. Para aproveitar este volume de novidades e informações, alunos de várias instituições do Estado programaram visitas à feira.

Ainda na terça-feira, cerca de 70 alunos do terceiro ano do curso técnico de mecânica da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, de Novo Hamburgo, visitaram a Mercopar. Para o professor de usinagem e metrologia Luis Gonçalves, que coordenou a visita, esta é uma ótima oportunidade para os alunos entrarem em contato desde cedo com as empresas, serviços, ferramentas, máquinas e instrumentos que farão parte da suas vidas profissionais no futuro. “Na feira eles vão agregar conhecimento, conhecer novas máquinas, um contato realmente direto com o setor”, analisa.

A feira é uma vitrine para os alunos. Um momento de integração onde podem conversar e conhecer o que tem de mais atual. “Durante a visita, eles podem observar os vários tipos de componentes e processos de fabricação trabalhados e que são vistos durante a formação”, explica. Não foi a primeira turma que trouxe e possivelmente não será a última. Pretendo trazer mais gente ano que vem, acrescentou Gonçalves. O aluno Juan Lucas Silva Fogaça considerou a visita importantíssima para obter mais conhecimento. “Achei muito legal todo este ambiente. Tem muita coisa nova e que, na feira, é possível conhecer com mais detalhes. É a realidade do mercado que vamos enfrentar”, avaliou o estudante.

SENAI NO SALÃO DA INOVAÇÃO – Unir o útil ao agradável, além de desenvolver na prática o que se aprende em aula foi o norte da participação dos alunos do SENAI José Gazola, de Caxias do Sul, na Mercopar. Nesta edição, os alunos do curso de Matrizaria, especializada no desenvolvimento, produção e reparos de matrizes (moldes de injeção, gabaritos e ferramentas de estamparia), apresentaram no Salão de Inovação, Indústria mais sustentável, diversos projetos como tabuleiros de xadrez, pebolim, bicicletas, entre outros, com sucatas de madeiras, aço, plásticos e galões de tintas.

Para o professor do curso de Ferramentaria, Fábio Picolli Lima, que acompanha alunos há nove anos na feira, a participação na Mercopar é de suma importância para o futuro deles. “Além de desenvolver estes projetos sustentáveis, que no final serão doados para crianças carentes, aqui eles enxergam pessoalmente uma realidade diferente do que no dia a dia de uma sala de aula. Temos ex-alunos que hoje estão aqui expondo”, comenta. De acordo com o professor, eles devem valorizar esta oportunidade de estar num ambiente propício para o aprendizado. “A tecnologia apresentada é de primeiro mundo. As melhores empresas estão aqui expondo e eles só têm a ganhar”.

Aluno do curso de matrizaria, Augusto Cesar Salvador está satisfeito em participar efetivamente das atividades apresentadas pelo Salão da Inovação. “Fazer algo com sucatas, num método de sustentabilidade, e no final ainda entregar para crianças carentes, é algo que me orgulha muito”, afirma. Além disso, conhecer novas ferramentas, métodos, processos, tecnologias diferentes é de suma importância para quem quer crescer na carreira. “Olhando assim, esta participação é só um começo de coisas que podem se tornar maiores. Todos temos potencial para pensar em um futuro promissor”, finaliza.

A Mercopar é realizada pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul (SEBRAE/RS) e Hannover Fairs Sulamérica, empresa do Grupo Deutsche Messe AG. Mais informações sobre a Mercopar podem ser obtidas no site www.mercopar.mobidickhost.com.br .

Fotos: Alunos do SENAI e aluno Juan Fogaça, da Fundação Liberato
Crédito: Eduardo Rocha/Divulgação/Mercopar

De Zotti – Assessoria de Imprensa

Veja também

Time de startup: como construir a equipe ideal

LEIA MAIS

Um olhar sobre inovação em economia digital nos EUA

LEIA MAIS

Tendências do setor metalmecânico para as pequenas indústrias 2019/2020

LEIA MAIS

Energia eólica já produz o equivalente a uma Itaipu no Brasil

LEIA MAIS

Notícias

Mercopar registra R$ 65 milhões em negociações realizadas pelos expositores e nas rodadas de negócio

Mercopar registra R$ 65 milhões em negociações realizadas pelos expositores e nas rodadas de negócio

Resultado foi 21% superior ao de 2018, o que demonstra a reação do setor industrial ...

LEIA MAIS
Sicredi Pioneira RS comemora sucesso na Mercopar

Sicredi Pioneira RS comemora sucesso na Mercopar

Palestras e interação com o público marcaram participação da cooperativa de crédi...

LEIA MAIS
Pix Force e Prakaranga são as grandes vencedoras do Sebrae Like a Boss

Pix Force e Prakaranga são as grandes vencedoras do Sebrae Like a Boss

Desafio levou 18 startups ao palco do Salão da Inovação na Mercopar Foi em cl...

LEIA MAIS
Movimento intenso e satisfação nos corredores da Mercopar

Movimento intenso e satisfação nos corredores da Mercopar

Os corredores lotados no último dia da Mercopar comprovam o sucesso da edição 20...

LEIA MAIS
Ver todas as notícias
Realização

Realização

Patrocínio Master

Patrocínio

Apoio